Halloween: A Casa da Árvore dos Horrores de The Simpsons

Halloween: A Casa da Árvore dos Horrores de The Simpsons 2

Todo bom fã de The Simpsons já sabe que todo ano, na época do Halloween, a equipe que produz a série prepara um dos especiais mais aguardados do ano: A Casa da Árvore dos Horrores.

Para entrar no clima, o Pop Séries! fez uma seleção das seis curiosidades mais interessantes sobre esses especiais bizarros e cheios de humor negro!

 Fox renova The Simpsons para 26ª temporada

1 – Casa da Árvore: a origem. A ideia de fazer um especial de Halloween veio de Matt Groening, também criador do seriado, inspirado em quadrinhos de terror da década de 1950. Todo ano, desde a segunda temporada, o autor elabora episódios especiais para a data.

Que personagem de The Simpsons deixará o show?

2 – O nome. Inicialmente os especiais eram chamados de No Dia das Bruxas, mas passaram a ser conhecidos como A Casa da Árvore dos Horrores. Isso porque no primeiro especial de Halloween, Bart, Lisa e Maggie – que só é uma ouvinte – compartilham histórias de terror na casa da árvore de Bart.

3 – Pobre Homer. Até a 20ª temporada, o protagonista morreu em 13 dos 19 especiais produzidos.

4 – Conselho de mãe. Na abertura do primeiro especial de Halloween, Marge, em uma paródia do filme de Frankenstein (1931), alerta os telespectadores sobre o conteúdo do programa. Ela explica que ele poderá causar pesadelos nas crianças e sugere que os pais “ponham seus filhos para dormir mais cedo hoje, ao invés de mandar cartas iradas para a emissora no dia seguinte”.

5. Inspirações nos clássicos. Os episódios sempre se inspiram em clássicos do horror e já contaram com paródias de filmes como O Iluminado (1980) e Poltergeist (1982). Houve até mesmo uma interpretação do poema clássico de Edgar Allan Poe, O Corvo, pela família Simpson.

Simpsons ganha abertura inspirada em Downton Abbey

6. O Labirinto dos Simpsons. A mais recente participação ilustre na Casa da Árvore dos Horrores foi do diretor Guillermo del Toro. A abertura feita por del Toro conta com mais de 30 referências a séries (como Game of Thrones), filmes, escritores e obras clássicas do terror. Inclusive, podem ser encontradas diversas citações ao trabalho do diretor, como Hellboy (2004) e O Labirinto do Fauno (2006). Você pode se deliciar com cada uma delas no vídeo a seguir.

 

 

*Por Anna Yves

A equipe do Pop Séries! reúne as principais notícias e novidades das séries de TV.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *