Arquivo X mantém mitologia, mas não decepciona

Arquivo X: assassinato estranho chama atenção dos protagonistas

 

 

spoilerQuando a Fox decidiu ressuscitar Jack Bauer e trazê-lo para uma versão mais contemporânea de 24 Horas, o público encarou a notícia com um certo receio. A verdade é que nem todo revival consegue sair vitorioso de seu lançamento e um erro pode prejudicar a admiração pela saga.

Não diferente do thriller de ação, Arquivo X foi vitorioso em sua missão. Liderada pelos seus protagonistas, David Duchovny e Gillian Anderson, a atração conseguiu replicar a gênese de seu roteiro perspicaz, que lhe rendeu fama na década de 1990. Nos seis episódios transmitidos da décima temporada, houve espaço para todas as mitologias abordadas pelo programa em sua longa duração: conspirações alienígenas, atividades paranormais, monstros, ataques terroristas e o apocalipse global.

Selecionamos os melhores episódios de Arquivo X

Uma pena que os capítulos reduzidos não tenha dado destaque à personagens tão carismáticos do seriado, como os Pistoleiros Solitários (Tom Braidwood, Dean Haglund e Bruce Harwood). No mais, o telespectador pode acompanhar a evolução do filme Arquivo X: Eu Quero Acreditar (2008), lançado após o cancelamento do seriado. Mulder (David Duchovny) continua o mesmo paranoico por experimentos do governos e vida alienígena, mas, assim como Scully (Gillian Anderson), não é mais um agente do FBI. Eles estão separados e afastados depois de decidirem dar o filho para adoção (o menino tem genes alienígenas e para protegê-lo o casal decidiu afastá-lo de suas vidas).

arquivo x babylon

Mulder toma cogumelos alucinógenos no episódio “Babylon”

Walter Skinner (Mitch Pileggi) é responsável por unir a gangue novamente para mais uma missão, que acaba levando os protagonistas de volta para o porão escuro e esquecido da seção dos arquivos x. O enredo caminha para a aproximação dos dois e, a todo tempo, os fãs tentam juntar as pistas sobre o que aconteceu nas vidas dos personagens antes do divórcio por meio de recorrentes flashbacks.

Confira o guia de episódios da série

Quanto à evolução da trama, o criador Chris Carter não apresentou novidades. O clímax ficou mesmo para o final da temporada, com o aparecimento do “Cancer Man” (Homem Canceroso) – sim ele está vivo! – e da proliferação de um vírus mortal a humanidade. As cenas memoráveis ficaram por conta do humor: Mulder experimentando cogumelos alucinógenos e dançando ao estilo country em uma boate e o aparecimento das réplicas jovens e convincentes do casal (interpretados por Robbie Amell e Lauren Ambrose).

Com um término digno da série de ficção científica, o décimo ano deixou possibilidades para uma continuação. Mesmo com a agenda disputada do elenco, não será difícil trabalhar em uma nova temporada no futuro. A Fox está cada mais envolvida com o projeto – e até produz uma sequência para Prison Break -, enquanto os atores ainda compartilham o carisma e empolgação com o título. Afinal, a verdade ainda está lá fora – e merece ser descoberta.

Quais séries inspiraram Arquivo X?

A equipe do Pop Séries! reúne as principais notícias e novidades das séries de TV.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

Newsletter do Pop Séries!Inscreva-se
+ +