The Catch: série tem boa trama de ‘gato e rato’

the catch alice
Sephora BR

spoilerThe Catch poder ser definida por vários ditados populares – e talvez, o melhor seja “o pior cego é aquele que não quer ver”.

Alice Vaughan (Mireille Enos) é investigadora particular de uma proeminente firma de Los Angeles. A protagonista tinha uma vida dos sonhos: sucesso na carreira e também no amor. Mas tudo acabou quando o seu noivo revelou-se um grande golpista. Benjamin Jones (Peter Krause) furtou os dados de seus clientes e quase a levou à falência.

Assista ao trailer de The Catch

A partir daí, Alice passa a investigar a antiga paixão, apelidada de Mr. X. Com uma boa dinâmica entre os capítulos, o telespectador acaba envolvido rapidamente na saga da personagem que começa a trabalhar em colaboração com o agente Jules Dao, do FBI.

Se tudo parecia um jogo de um vigarista, a trama logo muda de rumo quando Ben decide lutar para recuperar a confiança de Alice. O personagem caminha, assim, em uma linha tênue entre o crime e a sua redenção e tenta se libertar da relação conflituosa com a ex-amante e companheira de negócios, Margot Bishop (Sonya Walger). Só que o seu passado – inevitavelmente – volta para assombrá-lo.

Guia de episódios de The Catch

the catch critica

A boa dinâmica do elenco garantiu o sucesso da série

Com segunda temporada confirmada, The Catch possui elementos poderosos que garantiram o seu sucesso. A primeira é a produção assinada por Shonda Rhimes, criadora de séries como Grey’s Anatomy e Scandal, a outra é a presença de atores carismáticos que sabem muito bem dosar o humor e drama necessário para a continuidade da história.

No final deste ano, Alice tentou derrubar a operação da Firma Kensington, onde Ben trabalha, e a maior organização criminosa da Europa que agora tenta conquistar os EUA. Ela conseguiu cumprir parte de sua missão, mas foi pega por uma jogada ainda maior de Margot, sendo acusada de roubar uma inestimável obra de arte. Ben assumiu a sua culpa no incidente e agora encontra-se preso, tornando o objetivo de ter o seu final feliz ainda mais difícil para a protagonista.

Mas, é claro, tudo é reversível no seriado. E Ben deve ser libertado em breve – seja por um plano ilícito do parceiro Rhys ou então pela perspicácia de Alice.

Julia Benvenuto
Jornalista formada pela Universidade Presbiteriana Mackenzie e pós-graduada em Jornalismo Cultural pela FAAP. É autora da tese "A Revolução dos Losers: como o seriado americano Glee representa a juventude do século 21".

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 
Newsletter do Pop Séries!Inscreva-se
+ +