Operação Red Sparrow: Jennifer Lawrence estrela trama imprevisível

operação red sparrow filme
 

Jennifer Lawrence é uma atriz que possui uma carreira muito bem orientada em Hollywood. Desde estrelar o estrondoso sucesso de Jogos Vorazes, a atriz tem escolhido  atuar em filmes consistentes, com bons diretores e papéis expressivos. O resultado rendeu quatro indicações ao Oscar, sendo que ela faturou a estatueta de melhor atriz por O Lado Bom da Vida (2012).

Operação Red Sparrow é o novo aposta da Jennifer, sendo que ela retoma a parceria com o diretor Francis Lawrence, responsável pela franquia Jogos Vorazes. O longa-metragem é inspirado no livro Roleta Russa, que foi escrito pelo ex-oficial da CIA, Jason Matthews.

‘Três Anúncios Para um Crime’ retrata a luta de uma mãe por justiça

A trama acompanha a saga de Dominika Egorova, uma bailarina talentosa que após sofrer um contratempo precisa conseguir dinheiro para sustentar sua mãe doente. Com a ajuda de um tio influente, ela tem a possibilidade de consertar sua situação. Porém, Dominika é selecionada – contra sua vontade – para se tornar uma “Pardal”, uma mulher sedutora treinada no serviço de segurança russo. Em suas missões, ela é forçada a se envolver com homens poderosos, sendo obrigada a praticar relações sexuais.

operação red sparrow filme

Dominika Egorova (Jennifer Lawrence) envolve-se com o agente americano Nate Nash (Joel Edgerton)

“Apesar da história e dos personagens serem ficcionais, acredito que esse filme tenha elementos poderosos para as mulheres e esse foi um dos motivos para que eu decidisse fazer parte dele. Não há um tempo melhor para este filme do que o que estamos vivendo agora”, afirmou Jennifer em uma videoconferência realizada para a imprensa brasileira. “Para mim, atuar é como um músculo que você precisa deixá-lo em plena forma. Eu gosto de me desafiar e trabalhar com diretores que admiro. Além disso, preciso ter uma conexão química com minhas personagens. Eu sempre me pergunto: ‘Eu quero viver esse pessoa durante seis meses da minha vida?’”.

Trama Fantasma: o último filme de Daniel Day-Lewis

Operação Red Sparrow é aquele clássico filme de espionagem em que os russos tentam derrotar o seu grande inimigo, os Estados Unidos. Em um jogo psicológico e emocional intenso, o espectador tem a possibilidade de assistir à uma trama imprevisível – em que só se conhece o verdadeiro plano da protagonista nos últimos segundos da produção cinematográfica.

Espere por sequências de ação muito bem produzidas, algumas doses de violência explícita e momentos de tortura que são bem impactantes. Talvez, o único ponto contra à atração seja a longa duração e a existência de cenas que não necessárias para o clímax.

Confira mais notícias sobre cinema

“Na verdade, a parte da tortura foi muito divertida de ser gravada. Para mim, atuar é um alívio, uma catarse. Então, eu tive que encontrar um equilíbrio para dar risada e ser feliz no trabalho. É claro que ficar amarrada em posição desconfortável não é legal. Porém, tudo foi filmado muito rapidamente, eu sabia o que esperar e não houve surpresas”, comentou Jennifer.

Por se tratar de uma trilogia literária, o filme tem grandes chances de ganhar uma continuação. “Oficialmente, isso ainda não foi conversado, mas eu tenho algumas ideias de como prosseguir com a narrativa de Dominika. Nós estamos esperando pela reação do público. Se eles gostarem do resultado, nós adoraríamos contar novas histórias”, finalizou o diretor Francis Lawrence.

Veja crítica de ‘Lady Bird: É Hora de Voar’

Operação Red Sparrow estreia no dia 1º de março nos cinemas brasileiros.

Assista ao trailer abaixo:

Amanda Negrini
Jornalista formada pela Universidade Metodista de São Paulo e pós-graduada em Jornalismo Cultural pela FAAP. Especialista em cultura pop, é autora da tese "A Evolução das cantoras Pop Americanas: a criação de Madonna e a inovação de Lady Gaga".

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *