Skip to main content

  • De San Diego

 

Assim como a sua percursora, Supergirl estreia com a proposta de conquistar o público jovem para a história de uma importante heroína dos quadrinhos. Para quem assistiu a Smallville, as semelhanças entre o piloto e a saga de Clark Kent não param de aparecer no roteiro.

Kara (Melissa Benoist) é uma jovem destemida que, como seu primo, o Super-Homem, procura por uma razão de existir na Terra. Enviada para protege-lo da destruição de seu planeta natal, a personagem acabou ficando presa por anos na zona fantasma, onde não envelheceu. Ao escapar do local, ela se depara com uma nova realidade: Kal-El já havia crescido e encontrado um propósito para os seus dons entre os humanos.

Criada por uma família adotiva, a protagonista teve uma vida relativamente normal até que a sua irmã sofre um atentado. Para salvá-la da queda de um avião, Kara arrisca revelar a sua identidade ao mundo.

Guia de notícias do novo seriado

A trama parece funcionar, ao passo que apresenta possibilidades a serem exploradas pelo telespectador. Clark Kent não será contemplado na história – pelo menos por enquanto – e, por isso, não há um ator escalado para  o papel. Outra promessa é Calista Flockhart (Ally McBeal) no papel da impiedosa chefe de Kara.

O seriado caminha para o sucesso, mas pode enfrentar alguns obstáculos em seu caminho. A previsibilidade da trama é um deles. Até que ponto a missão de Kara em capturar os vilões de Krypton será atraente? E o Super-Homem, por quanto tempo ele será afastado da vida da personagem?

Estas são questões que os produtores ainda precisam trabalhar ao longo da temporada. De qualquer forma, é extremamente positivo saber que há espaço para um pouco de feminismo dos HQs na TV.

Supergirl será transmitida a partir de 26 de outubro nos EUA.

Siga com mais notícias da Comic-Con 2015

Confira o trailer da série:

Supergirl – 1ª temporada

Organize sua maratona com o nosso Planner!

Inscreva-se
Notificação de
guest

0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários