Crítica: primeira temporada de The Originals
CríticaThe Originals

The Originals aposta em popularidade de protagonista

Por 22 de dezembro de 2013 novembro 18th, 2018 Sem Comentários

 

spoilerO ano de 2013 se mostrou promissor para o desenvolvimento de novos pilotos. Como outros spin-offs, The Originals nasceu com o objetivo de contar, com maior profundidade, a história de um dos personagens coadjuvantes de sua antecessora.

Confira o trailer da nova série

O escolhido para liderar a nova série foi o impiedoso e sanguinário Klaus, que já havia conquistado a empatia dos fãs em suas últimas aparições em The Vampire Diaries. Joseph Morgan, o ator que vive o protagonista, trabalhou em grandes produções de Hollywood, entre elas, Alexander e Imortais. No entanto, é no programa que as suas qualidades afloram ao representar um vampiro que almeja a redenção, mas não está disposto a perder o poder como líder de sua família ou o trono em sua antiga cidade natal, Nova Orleans.

CW encomenda temporada completa de Reign e The Originals

O principal trunfo do roteiro está no fato que é quase  impossível desgostar do anti-herói. O Original deveria ter morrido ainda na quarta temporada da série teen. O destino mudou quando o personagem caiu no gosto da audiência e dos produtores, que agora planejam um segundo crossover entre as atrações.

 

Laços de uma família complexa e sobrenatural são o foco do drama

Laços de uma família complexa e sobrenatural são o foco do drama

O elenco promissor também colabora para o sucesso de The Originals. Daniel Gillies e Claire Holt , interpretam respectivamente os irmãos Elijah e Rebekah, enquanto Charles Michael Davis vive o rival Marcel. Os flashbacks, constantes na narrativa, possuem o objetivo de revelar o passado obscuro do protagonista ao público. Além disso, a guerra entre bruxas e vampiros contribui para as cenas de ação e também para os assassinatos em massa de Klaus.

A ligação entre as narrativas dos dois programas, ambos comandados pela roteirista Julie Plec, ainda está em desenvolvimento. Tyler foi o primeiro a embarcar em uma visita ao piloto. Em breve, o híbrido deve retribuir o favor, participando de um dos episódios inéditos de The Vampire Diaries. Romper os laços entre o vilão carismático e a queridinha Caroline (Candice Accola) não seria a decisão mais sensata no momento. Ainda mais quando o triângulo amoroso entre Damon-Elena-Stefan começou a enfraquecer com o passar das temporadas.

• Por Julia Benvenuto

Julia Benvenuto

Julia Benvenuto

Jornalista formada pela Universidade Presbiteriana Mackenzie e pós-graduada em Jornalismo Cultural pela FAAP. É autora da tese "A Revolução dos Losers: como o seriado americano Glee representa a juventude do século 21".

Sem Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do POP SÉRIES. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O POP SÉRIES poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.