TVs online modificam maneira de assistir seriados
Especiais

TVs on-line modificam maneira de assistir aos seriados

Por 21 de outubro de 2013 janeiro 24th, 2017 Sem Comentários

 

A Netflix foi responsável por um grande trunfo. Primeiro, porque modificou a maneira de assistir à séries de televisão no mundo todo. A independência de horário, local ou plataforma digital possibilitou que o público tenha liberdade em suas escolhas. Inclusive, não há necessidade de esperar semanalmente um episódio, pois as temporadas de suas produções são divulgadas na íntegra. Segundo, porque escolheu uma série brilhante, como House of Cards para inaugurar esta nova etapa do entretenimento.

O poder da manipulação de House of Cards

Protagonizada por Kevin Spacey, renomado ator que faturou duas estatuetas do Oscar, a atração foi aclamada pela crítica e recebeu diversas indicações ao Emmy Awards de 2013. A trama, que acompanha a trajetória do deputado Francis Underwwod pelo poder terá sua segunda temporada exibida no próximo ano. Outra atração de sucesso, também produzida pela Netflix, é Orange is the New Black. A saga de Piper Chapman dentro de um presídio feminino alcançou grande popularidade nos Estados Unidos.

Orange is the New Black retrata sobrevivência de mulheres fascinantes

Além das produções próprias, muitos seriado foram beneficiados com esse novo formato. Em recente entrevista a New York Magazine, o criador de Breaking Bad, Vince Gilligan, afirmou que na terceira temporada série conquistou mais popularidade ao ser disponibilizada nesta nova plataforma. “Nós recebemos esse incrível impulso por conta da Netflix”, admitiu.

 

Breaking Bad: série ganhou mais espectadores após ser disponibilizada na internet.

Breaking Bad: série ganhou mais espectadores após ser disponibilizada na internet.

 

O presidente da Netflix, Reed Hastings, comentou que a empresa utiliza sites piratas para definir a compra e exibição programas de televisão e filmes via internet. A escolha é feita de acordo com as obras mais baixadas dos sites de compartilhamento de arquivos. O objetivo é quebrar a concorrência em relação aos torrentes e downloads ilegais. “Há algum movimento mundial acontecendo e isso só cria a demanda por conteúdo. As pessoas preferem modos mais fáceis do que baixar vídeos que ocupam espaço no computador”, ressaltou.

De Breaking Bad a Dexter: a evolução do anti-herói

No último ano, produções como Friends (1994-2004), Grey’s Anatomy (2005-), Once Upon a Time (2011-) e Revenge (2011-), passaram a ser exibidas no formato on-line. Os conteúdos extras, com cenas de bastidores e entrevistas, também estão sendo exibidos. Para 2014, há grandes novidades. Em parceria com a Sony Pictures, a Netflix, irá exibir um novo seriado inédito de suspense psicológico dos mesmos produtores de Damages (2007-) – Todd A. Kessler, Daniel Zelman e Glenn Kessler. Com 13 episódios, a trama mostra uma família que descobre vários segredos, quando um dos irmãos volta para casa.

Com a nova liberdade de escolha, todas essas novas atrações tem grandes chances de alcançar bons índices visualizações e os seriados antigos podem ser revistos diversas vezes. Afinal de contas, o público prefere, cada vez mais, ter o domínio total de seu tempo, inclusive do período destinado para relaxar e assistir sua série favorita.

• Por Amanda Negrini

Amanda Negrini

Amanda Negrini

Jornalista formada pela Universidade Metodista de São Paulo e pós-graduada em Jornalismo Cultural pela FAAP. Especialista em cultura pop, é autora da tese "A Evolução das cantoras Pop Americanas: a criação de Madonna e a inovação de Lady Gaga".

Sem Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do POP SÉRIES. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O POP SÉRIES poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.