Skip to main content

Downton Abbey foi um marco na história da televisão inglesa por diversos aspectos. Em seis temporadas, mostrou o cotidiano de uma família nobre e de seus empregados com um sutil tom novelesco que agradou o público mundial.

A trama original era não baseada na realeza britânica ou em um herói histórico. Era pautada em uma família tradicional que tinha a honra em manter os seus costumes diante dos avanços da modernidade. E mais: comandava, com amor e dedicação, uma rica propriedade que era o sustento de um vilarejo no interior da Inglaterra.

Continua após a publicidade..

Assista ao trailer do filme 

A verdade é que série já havia encerrado a narrativa da família da Crawley em 2015. Porém, o lançamento de Downton Abbey nos cinemas é uma homenagem aos fãs. E este novo capítulo foi aberto de maneira brilhante.

A narrativa mostra como os protagonistas se preparam para a visita da realeza ao castelo. O longa-metragem conta com a presença de todo o elenco original. Desde a abertura até cada passagem pelos cômodos do local trazem uma gostosa sensação de nostalgia. A trilha sonora, os lindos figurinos e os belos jantares estão todos ali. Nada foi esquecido!

 

downton abbey

Violet Crawley está impossível – no bom sentido – no filme de Downton Abbey

 

Os arcos narrativos também permanecem bem distribuídos pela trama. Cada personagem continua com o seu drama particular em meio ao tema central. Edith batalha para conquistar mais independência na sociedade, Mary questiona a permanecia do castelo e até Tom tenta reconstruir sua vida. Tudo isso permeado pelo bom humor inglês de Violet Crawley. Downton Abbey não teria o mesmo sucesso sem a presença de Maggie Smith.

Leia mais:   Uma Ideia de Você: Anne Hathaway estrela comédia romântica

Vídeo do filme de ‘Downton Abbey’ mostra preparativos para o jantar com a Família Real

Alias, como nada é para sempre o filme conta sim com despedidas. Mas não pense que será melodramática, depressiva ou desesperadora. A série sempre foi pautada por personagens femininas fortes, até mesmo quando a passagem de seu legado é necessária. Talvez neste ponto, os roteiristas ingleses tendem a ser mais talentosos do que os americanos. Prepare-se para se emocionar muito, afinal de contas todos nós sabemos que aquele tempo não existe mais na realidade. Entretanto, é sempre muito bom visita-lo na ficção.

O filme estreia no dia 24 de outubro nos cinemas brasileiros.

Organize sua maratona com o nosso Planner!

Inscreva-se
Notificação de
guest

0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários