Skip to main content

"Beetlejuice, Beetlejuice, Beetlejuice!"

Prepare a emoção, pois o Pop Séries! vai falar de um dos grandes clássicos dos anos 1980. Beetlejuice é uma comédia de terror que foi dirigida por Tim Burton e marcou uma geração.

Com a confirmação da sequência dessa obra icônica, o filme original voltou aos holofotes. Vamos relembrar a história fora do comum e matar a saudade dos personagens inesquecíveis.

Os Fantasmas Se Divertem

O filme de 1988 conta a história do casal Adam Maitland (Alec Baldwin) e Barbara Maitland (Geena Davis), que moram em uma bela casa de campo em Winter River, Connecticut. Jane Butterfield (Annie McEnroe) é uma corretora de imóveis e prima de Barbara que tenta convencer o casal a vender sua casa a todo custo.

Continua após a publicidade..

Em um dia tranquilo, o casal retorna para casa quando um cachorro invade a estrada e, na tentativa de desviar do animal, o carro fica desgovernado e eles caem da ponte diretamente no rio. Ao retornarem eles não se lembram de como voltaram, e quando Adam tenta sair ele entra em uma espécie de deserto com monstros estranhos. Os personagens, então, encontram um livro com o nome “Manual para recém-falecidos” e logo percebem que morreram no acidente e que se tornaram almas aprisionadas em sua antiga casa.

Jane consegue vender a casa, que é comprada pela família Deetz, vinda de Nova York. Charles (Jeffrey Jones), sua esposa Delia (Catherine O’Hara) e sua filha adolescente gótica Lydia (Winona Ryder) mudam-se para a bela propriedade, mas nem imaginam as surpresas que os aguardam.

 

Delia chama seu arquiteto Otho (Glenn Shadix) para ajudá-la em algumas reformas na casa, mas os espíritos dos Maitland tentam assustar a família sem sucesso. Eles não conseguem ser vistos e acabam se refugiando no sótão. O casal recém-falecido conhece um espectro estranho, chamado Beetlejuice, que os promove para o cargo de “bioexorcista”. Confusos, o eles consultam o manual e acabam abrindo um portal para o submundo dos mortos. Adam e Barbaram descobrem que a vida pós-morte é composta por uma sociedade burocrática, bem estruturada e muito complexa.

O casal conhece Juno (Sylvia Sydney), uma espécie de assistente social do mundo dos mortos, que revela a missão: expulsar a família Deetz da casa. Eles perguntam sobre o estranho Beetlejuice e Juno conta que ele foi seu assistente, mas agora trabalha como freelancer, ela ainda avisa sobre o temperamento impulsivo e briguento do espectro.

Leia mais:   Qual é a trama de 'Um Lugar Silencioso: Dia Um'?

Ao retornarem para o mundo dos vivos, os Maitland descobrem que apenas Lydia consegue vê-los e os três acabam estreitando seus laços, porém o plano de retirar a família Deetz da casa continua em ação. Sem saber como agir, o casal de fantasmas decide invocar Beetlejuice. Logo de início, eles acreditam ter errado ao invocar um espectro tão mal-educado e rabugento e até se recusam a trabalhar com Beetlejuice.

Os Maitland fazem uma desastrosa tentativa de assustar a família Deetz durante um jantar, mas ao invés de causar pavor na família mortal, eles acabam divertindo a todos – e os visitantes vão ao sótão em busca de um contato maior e Otho acaba pegando o manual para si. Beetlejuice intervém e se manifesta como uma cobra horrível que ataca os vivos. Os antigos moradores, então, ordenam que o espectro volte para o mundo dos mortos.

Ao saber dos acontecimentos, Juno convoca o casal e os repreende, pois as manifestações hilárias, bem como a aparição de Beetlejuice estavam fornecendo muitas provas da existência pós-morte para os vivos. Ela ordena que o casal se livre de uma vez por todas da família Deetz.

Sem conseguir espantar os convidados, o casal decide deixá-los permanecer na casa. Enquanto isso, Charles tem a ideia de transformar a cidade em um ponto turístico fantasmagórico e convence seu ex-chefe a visitar o local, mas ele exige uma prova do sobrenatural. Charles usa o manual e invoca as almas de Adam e Barbara, que começam a se esvair; ele acaba notando que o ritual de invocação era, na verdade, um exorcismo. Desesperada, Lydia recorre a Beetlejuice que ajuda a resolver o problema do exorcismo, mas exige que ela se case com ele, pois assim o espectro poderá entrar no mundo dos vivos. Sem muitas alternativas, Lydia concorda com a proposta de Beetlejuice, ele ajuda no exorcismo e expulsa o ex-chefe da casa.

Beetlejuice convoca um ministro medonho direto do mundo dos mortos para realizar seu casamento com Lydia, mas o Maitlands acabam intervindo e não permitem que a cerimônia termine. Uma das cenas mais icônicas é quando Barbara aparece montada em um verme gigante e ordena que ele devore Beetlejuice!

Leia mais:   Duna 2: filme finalmente mostra a que veio

No final, os Maitland e os Deetz passam a conviver harmoniosamente na casa e Lydia consegue superar seus problemas sociais e se integrar mais na escola. Já no mundo dos mortos, Beetlejuice aguarda na fila para a triagem, cansado de esperar ele rouba a senha de um mago, que em vingança diminui o tamanho da sua cabeça.

Com um enredo lúdico que mistura terror, humor e fantasia, o filme foi um marco de sua época e chegou a ganhar um Oscar de Melhor Maquiagem.

A nova continuação promete ser tão eletrizante quanto o original.

Beetlejuice 2 vem aí!

A Warner Bros. Revelou que a sequencia de Os Fantasmas se Divertem será lançada em setembro de 2024, e o alvoroço acerca da noticia foi grande. Aos poucos a produção vai revelando mais e mais detalhes, fazendo as expectativas crescerem.

Michael Keaton estará presente na nova produção, para total loucura dos fãs. Outro nome confirmado e muito comemorado foi o de Jenna Ortega, isso mesmo, a Wandinha estará presente nessa nova produção. Até agora sabemos que Jenna dará vida a filha de Lydia Deetz, vivida originalmente por Winona Ryder, que já tem sua presença confirmada no novo filme.

O diretor responsável por assumir a nova produção será Tim Burton que também dirigiu o filme de 1988. Outros nomes divulgados são de Willem Dafoe, Justin Theroux e Monica Bellucci. Catherine O’Hara viverá Delia mais uma vez.

O roteiro é assinado por Alfred Gough e Miles Millar, os mesmos criadores de Wandinha (série da Netflix), e os detalhes sobre o enredo seguem em sigilo absoluto. A produção deve começar ainda neste ano.

Curiosidades de Beetlejuice

–  Inicialmente, Tim Burton havia escolhido Sammy Davis Jr. para o papel de Beetlejuice, mas os produtores reprovaram a ideia. Antes de Keaton ser escolhido, nomes como o de Jack Nicholson, Tim Curry e Christopher Lloyd foram cogitados.

– Com um orçamento apertado, os efeitos visuais do filme foram improvisados e o diretor deu à produção um toque de filme B, intencionalmente.

–  O espectro sinistro conhecido como Beetlejuice na verdade se chama Betelgeuse. Com a pronúncia parecida, o primeiro nome foi mais popular.

Leia mais:   Uma Ideia de Você: Anne Hathaway estrela comédia romântica

–  A trama é ambientada em Connecticut, mas as gravações foram realizadas na cidade de Corinth, em Vermont, devido à pequena quantidade de moradores.

–  A cena em que o carro do casal cai da ponte em um rio teve sua locação modificada. O motivo? O riacho local precisou ser represado artificialmente para as gravações.

– O roteiro original foi modificado, ele continha um tom de terror muito mais denso do que a versão final adotada.

– A icônica cena em que Adam e Barbara se olham no espelho e não conseguem ver o reflexo de sua imagem não utilizou nenhum efeito computacional. Os atores olhavam através de um vidro simples, e uma lareira idêntica à da sala foi colocada invertida do outro lado, criando a ilusão óptica de ser um reflexo.

–  A cena em que os jogadores de futebol interrompem Juno enquanto ela conversa com Adam e Barbara faz uma alusão ao trágico acidento do voo 932 da Southern Airways, que colidiu com uma montanha em 1970, dentre os 75 passageiros 37 eram jogadores.

– O final do roteiro original guardava muito terror, Lydia morreria queimada na lareira logo após o casamento e ficaria com Barbara e Adam no mundo dos mortos. A produção optou pela mudança, pois esse final passava uma mensagem de que os jovens seriam mais felizes mortos do que vivos.

– Michael Keaton aparece por apenas 17,5 minutos em cena, mas foi o suficiente para o personagem se tornar um ícone atemporal.

– A única atriz que aceitou imediatamente o papel foi Geena Davis, o restante foi convencido posteriormente por Tim Burton, que teve que explicar o roteiro inusitado.

–  O filme ganhou o Oscar de Melhor Maquiagem e foi indicado a um BAFTA de Melhor Maquiagem e Efeitos Especiais, no ano de 1989.

Se você não conhece esse clássico ou se quer matar a saudade do estranho Beetlejuice, o filme está disponível nas plataformas do Prime Video e da HBO Max.

Beetlejuice é um clássico de Tim Burton

Trailer

A estreia de Os Fantasmas Ainda se Divertem: Beetlejuice Beetlejuice está programada para setembro de 2024.

Confira a prévia:

Organize sua maratona com o nosso Planner!