Skip to main content

A Globoplay anunciou nesta sexta-feira (6) o lançamento de duas produções baseadas na vida de trabalho da vereadora Marielle Franco.

Continua após a publicidade..

A primeira, intitulada Marielle – O Documentário, conta com seis episódios e estreia em 13 de março. A ideia é apresentar quem foi Marielle e do motorista Anderson Gomes, que também morreu durante o atentado.

“Ao longo dos seis episódios, o documentário registra momentos da adolescência da vereadora e de quando o motorista descobriu que seria pai. Conta com entrevistas com os familiares das vítimas, policiais, jornalistas que cobriram o caso, procuradores e autoridades políticas”, revela a Globoplay em comunicado. O projeto tem direção e roteiro de Caio Cavechini.

Continua após a publicidade..

A segunda produção sobre Marielle Franco será uma série ficcional, ainda sem título e data de estreia, assinada por José Padilha, o primeiro trabalho do diretor para a Globo, e Antonia Pellegrino.

“Vamos contar uma história importante, a história da vida e, infelizmente, da morte de Marielle. E, ao fazê-lo, vamos abordar, mais uma vez, o problema da violência urbana no Rio, da corrupção policial e das milícias e sua influência na política. A série será ficcional, como os dois Tropas de Elite foram ficcionais. Mas baseada em uma história real e na vida de Marielle, e em tudo o que ela representa”, disse Padilha durante evento de lançamento.

As gravações da série têm início previsto para o segundo semestre de 2020.

Organize sua maratona com o nosso Planner!

Pop Séries

A equipe do Pop Séries! reúne as principais notícias e novidades das séries de TV.