Skip to main content

Charisma Carpenter decidiu não ficar mais em silêncio, mesmo após vários anos. A atriz detalhou, em um post nas redes sociais, o abuso tóxico que sofreu do autor do Buffyverse, Joss Whedon.

Ray Fisher, que interpretou Cyborg no filme de super-herói Liga da Justiça, acusou publicamente Whedon de, entre outras coisas, comportamento “grosseiro, abusivo, não profissional e completamente inaceitável” quando ele assumiu a direção de Zack Snyder. O ator também afirmou que o presidente da DC, Geoff Johns, possibilitou a conduta. A WarnerMedia pediu uma investigação interna conduzida por um escritório de advocacia que levou a uma ação corretiva do produtor, mas sem nenhuma consequência na prática.

Carpenter resolveu então detalhar as suas próprias experiências com Whedon, no set de Buffy, a Caça-Vampiros e Angel, quando interpretava Cordelia Chase. A iniciativa teve o apoio de suas colegas de elenco, como Amber Benson e Sarah Michelle Gellar, que disse apoiar atriz e não quer o seu nome associado à Whedon.

Continua após a publicidade..

“Por quase duas décadas, segurei minha língua e até dei desculpas para certos eventos que me traumatizam até hoje. Joss Whedon abusou de seu poder em várias ocasiões enquanto trabalhava nos sets de Buffy e Angel. Embora ele achasse sua conduta inadequada divertida, só serviu para intensificar minha ansiedade de desempenho, enfraquecer-me e afastar-me de meus colegas. Os incidentes perturbadores desencadearam uma condição física crônica da qual ainda sofro”, escreveu.

Ela também explicou o motivo de sua saída de Angel: “Joss recusou intencionalmente várias ligações de meus agentes, tornando impossível entrar em contato com ele para contar a notícia de que eu estava grávida. Finalmente, assim que Joss foi informado da situação, ele solicitou uma reunião comigo. Naquela reunião a portas fechadas, ele me perguntou se eu ‘iria mantê-lo’ e manipulou minha feminilidade e fé contra mim. Ele começou a atacar meu personagem, zombar de minhas crenças religiosas, acusar-me de sabotar o programa e, em seguida, demitir-me sem cerimônia na temporada seguinte, assim que dei à luz.”

Whedon ainda não deu uma declaração sobre a acusação.

Organize sua maratona com o nosso Planner!

Inscreva-se
Notificação de
guest

0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários