Skip to main content

spoiler

A oitava e última temporada de Castle não foi a melhor da série. A confusão quanto ao cancelamento do seriado atrapalhou o desenvolvimento da trama, que sofreu com a incerteza de perder a sua protagonista, Stana Katic, por conta de um corte de orçamento.

Com exceção à polêmica, o último ano da atração conseguiu preservar a sua identidade e trazer personagens icônicos de volta à história. Logo no primeiro episódio, XY, o público foi levado a uma nova mitologia com a presença de um nome já conhecido: o Senador William Bracken (Jack Coleman). Sem notícias do paradeiro da esposa, Castle soube que havia um segredo por trás do caso que levou a morte da mãe de Beckett. Bracken não trabalhava sozinho e tinha um sócio muito poderoso e de dentro da CIA.

Com o decorrer dos capítulos, o escritor descobriu que a existência de tal ameaça foi o que levou a apagar a sua própria memória, na temporada passada, em Los Angeles. O mistério sobre quem seria LokSat permeou a saga, que também teve espaço para assassinatos excêntricos, vítimas imortais e até um caso ligado ao nascimento do anticristo. A escolha por crimes não ortodoxos é parte do trunfo e da popularidade de Castle, que consegue balancear com destreza cenas de humor com a dramaticidade do cotidiano policial.

Acompanhe mais notícias de Castle

Castle: protagonistas procuram por assassino em universidade

Indecisão prejudicou o rumo da última temporada tem Castle

Outro segredo que garantiu a sobrevivência do seriado por oito anos está no relacionamento de seus protagonistas: Nathan Fillion e Katic. O carisma do casal manteve a verossimilhança do show mesmo diante das teorias mais conspiratórias. Uma pena que o retorno do pai de Castle, Jackson Hunt (James Brolin), não pode ser realizado. A presença da “madrasta” do escritor, que tinha como missão protegê-lo das ações LokSat (que na realidade, era Mason, o líder da sociedade dos detetives), não conseguiu suprir sua ausência na trama.

  The Acolyte: série explora a Era de Ouro Jedi

Séries canceladas e renovadas em 2016

Quanto aos personagens secundários, os episódios conseguiram contemplar parte de suas evoluções. Alexis (Molly C. Quinn) assumiu o escritório de instigação particular do pai e Ryan (Seamus Dever) comemorou o nascimento do segundo filho. Uma pena que houve pouco espaço para as cenas do futuro exibidas no último capítulo da série. Sete anos depois, descobrimos que Richard e Kate sobreviveram aos atentados contra as suas vidas cometidos pelo advogado Caleb Brown. Tiveram filhos e continuaram juntos em suas empreitadas. Os destinos de seus colegas, no entanto, permaneceram em segredo. Muito provavelmente por conta da incerteza da renovação os roteiristas não tiveram tempo de criar um cenário em que todos recebessem as suas merecidas conclusões. Afinal, para os fãs da atração, ficou – inevitavelmente – faltando um pedaço da história.

 

 

 

Organize sua maratona com o nosso Planner!

Inscreva-se
Notificação de
guest

0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários