Colony: crítica da primeira temporada
ColonyCrítica

Colony: drama familiar supera dominação alienígena

Por 19 de abril de 2016 junho 3rd, 2017 Sem Comentários
Will, Katie e Snyder são capturados em Colony 1

Por Amanda Negrini

spoilerUltimamente, a televisão americana tem contado com diversas tramas que prevêem o fim da sociedade como conhecemos. Seja por um vírus incurável (The Last Ship), por um apocalipse zumbi (The Walking Dead) ou por uma invasão extraterrestre, a tendência é abordar como o ser humano se comporta diante do fim do mundo. Colony, a nova aposta do canal USA, também parte desta vertente.

Confira mais informações sobre a primeira temporada de Colony

Criada por Carlton Cuse – para quem não lembra, ele é co-criador de Lost – e por Ryan Condal, o seriado acompanha a vida de uma família que tenta sobreviver em um colônia na cidade de Los Angeles, após alienígenas dominarem a Terra.

Will Bowman (Josh Holloway) e Katie (Sarah Wayne Callies) empenham-se desesperadamente  em reencontrar um filho que foi separado no dia da invasão. Para isso, os protagonistas tomam medidas extremas em lados opostos. Enquanto, o ex-agente do FBI aceita trabalhar para um governo tirano, sua mulher é recrutada para integrar um movimento rebelde contra o sistema. Ao longo dos episódios, ambos conciliam um amor genuíno mesmo tendo que mentir e encobrir as armadilhas impostas.

Katie e Broussard planejam operação em Colony

Colony - Temporada 1

Snyder (Peter Jacobson) é eleito para comandar a colônia de Los Angeles

A imagem da dominação extraterrestre é pouco percebida na trama. Somente um alienígena aparece no último episódio da primeira temporada. O intuito do seriado é mostrar como eles utilizaram os seres humanos a seu favor. Partindo de uma seleção primorosa, eles elegeram líderes que seriam capazes de comandar em seus nomes. Sendo assim, a figura egocêntrica de Snyder (Peter Jacobson) é tão fundamental da trama. Inseguro, autoritário e manipulador, ele faz  chantagem emocional para que Will mantenha a segurança de sua colônia, enquanto promete ao protagonista uma chance de reunir sua família.

Durante a primeira temporada, Will percebe que lutar contra a autoridade imposta é praticamente impossível. Em um exercício de indiferença, ele mata e protege o despotismo para atingir seu objetivo. Já Katie atinge um patamar revolucionário incapaz de se render a opressão. Sua estranha dependência e parceria com Broussard faz com que ela questione a coragem e a admiração que possuía por seu marido.

Colony: veja promo do último episódio da temporada

No desfecho, ela vê seu sonho destruído e Will tem chance de chegar em Santa Monica para buscar Charlie. Com certeza, todas essas experiências farão com que a família tenha – cada vez mais – opiniões e comportamentos adversos e um final feliz não chegará tão cedo nas próximas temporadas.

Amanda Negrini

Amanda Negrini

Jornalista formada pela Universidade Metodista de São Paulo e pós-graduada em Jornalismo Cultural pela FAAP. Especialista em cultura pop, é autora da tese "A Evolução das cantoras Pop Americanas: a criação de Madonna e a inovação de Lady Gaga".

Sem Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do POP SÉRIES. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O POP SÉRIES poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.