Skip to main content

Série do personagem de La Casa de Papel estreia na Netflix

Seis anos se passaram desde que La Casa de Papel chegou ao público, através da Netflix, e conquistou fãs ao redor mundo inteiro. O sucesso foi tão grande que um dos personagens agora ganha uma série derivada: Berlim, com Pedro Alonso no papel principal.

Marcada para estrear no dia 29 de dezembro, a trama vai servir como uma prequel, ou seja, vai acompanhar o passado de Andrés, popularmente conhecido como Berlim.

O trailer oficial já foi divulgado, assim como a sinopse que conta que nos seus tempos áureos, Berlim se reúne a um bando em Paris para realizar um dos seus planos mais ousados: roubar 44 milhões de euros em joias em uma única noite.

Continua após a publicidade..

O que esperar de Berlim?

O elenco da nova série traz de volta às telas rostos já conhecidos, em especial o de Pedro Alonso, que assume o posto de protagonista no papel do personagem principal, Berlim.

Além dele, outros nomes também voltam para reprisar seus personagens, a exemplo de Itziar Ituño, que interpreta Raquel Murillo e Najwa Nimri, que vive Alicia Sierra em La Casa de Papel.

Até o momento, Berlim está programada para ter oito episódios, que vão acompanhar os momentos e eventos que antecedem o assalto principal que é feito na Casa da Moeda da Espanha.

De acordo com os recortes que já foram divulgados, os fãs podem esperar ver muita ação e até romance na nova série. E enquanto se prepara para receber a nova produção, as cinco temporadas de La Casa de Papel estão disponíveis para streaming na Netflix e prontas para serem maratonadas.

Retrospectiva de La Casa de Papel

Em uma breve retrospectiva dos acontecimentos de La Casa de Papel que servem para guiar a nova trama, vale ressaltar que, a princípio, a série estava planejada para ter apenas duas partes. Entretanto, devido ao sucesso que alcançou, ela continuou a ser renovada ano após ano.

Na segunda temporada, Berlim perdeu a vida. Mesmo que conseguisse sair impune do roubo que estava participando na Casa da Moeda, ele sabia que sua morte estava próxima, afinal, ele sofria de uma doença degenerativa. Esse foi o motivo que o levou a se sacrificar pelo resto do bando quando a polícia chegou, e acabou morrendo sendo alvejado por balas.

Álex Pina, o criador da série, chegou a revelar que estava em bastante dúvida em relação a matar Berlim, algo que lhe gerou aflição. No documentário que a Netflix divulgou, La Casa de Papel: El Fenómeno, o escritor disse que recebeu conselhos para dar fim ao personagem, mas que particularmente não concordava com essa opinião. “Alguém me disse ‘esse personagem não cabe nos dias de hoje. Você devia tirá-lo da série’”, contou.

Embora Berlim de fato tivesse traços terríveis, como ele próprio definiu usando as palavras “psicopata, machista e narcisista”, o personagem agora prova que merecia ter um espaço maior com seu regresso triunfal em uma série só sua, protagonizada por Pedro Alonso.

Quem é Pedro Alonso?

Nascido em 21 de junho de 1971, em Vigo, na Galícia, uma região autônoma da Espanha, Pedro González Alonso começou a se dedicar à atuação ainda muito cedo, quando começou a desenvolver habilidades de fala, atuação e também de escrita.

Apaixonado por atuação, ele se aperfeiçoou em uma escola de teatro localizada em Madri, onde se graduou no curso de artes dramáticas aos 21 anos de idade, em 1992.

Aos 24 anos, começou a se dedicar com mais profundidade a carreira de ator, e em 1995, ele atuou no filme Hábitos, dirigido por Juan Flahn. No ano seguinte, Pedro Alonso estreou em três produções seguidas, sendo elas Paranoia Dixital, Alma Gitana e Tengo Una Casa, dirigida por Mónica Laguna.

Ainda na década de 1990, ele trabalhou em diversos outros filmes espanhóis, a exemplo de El pliegue del hipocampo, Las vacaciones de Clara, Niño nadie, Insomnio, Flores de otro mundo, Noviembre, El calentito, La noche del Hermano, A Atlántida, A Bela Otero, O espello, 18 comidas e A praia dos afogados.

Embora tenha ficado mais conhecido internacionalmente por seu trabalho em La Casa de Papel, Pedro Alonso já trabalhou em diversas outras séries ao longo das décadas.

Outros projetos importantes para sua carreira foram as séries Padre Casares, que durou de 2008 até 2015, onde interpretou o Padre Horácio Casares e Gran Hotel, aclamado dentro e fora da Espanha, o projeto ficou no ar 2011 até 2013, onde Pedro interpretou Diego Murquía.

Além das duas que foram destacadas acima, Alonso também atuou nas séries Todos los hombres sois iguales, A las once en casa, Raquel busca su sitio, Pequeno Hotel, El comissário, Código fuego, Rías Baixas, Hospital Central, A Vida por Diante, Maridos e Mulleres, RIS Científica, Gondar, 14 de abril. La República, Bajo sospecha, Hospital Real, El Ministerio del Tiempo, La Embajada, Traición e Diablo Guardián.

Como diretor, o espanhol trabalhou no curta intitulado Amigos Invisíveis, que foi lançado em 2016 e produzido por ele.

Curiosidades sobre o ator

Além de sua vocação para a atuação, Pedro Alonso também é escritor e tem um forte apego à arte. Seu primeiro livro foi oficialmente lançado em 2020 com o título O Livro de Felipe.

A obra traz um retrato sobre a vida moderna e sobre a sociedade. Na sinopse oficial da obra, a partir de uma regressão a uma vida passada, Pedro Alonso se reencarna em Felipe, um guerreiro romano nos tempos do império. Seu encontro com Yilak, líder de um grupo rebelde, mudará a sua forma de ver e de se relacionar com o mundo.

Além disso, Alonso também é apaixonado pelo teatro e tem bastante experiência com os segmentos do teatro independente e institucional, assim como a companhias como La Fura dels Baus e Teatro Clásico Nacional, e o seu próprio, chamado Grupo Dom.

Atualmente com 52 anos de idade, Pedro conquistou uma plataforma admirável de fãs em todo o mundo. Em sua conta pessoal no Instagram, o astro já possui 8.5 milhões de seguidores. Embora seja discreto em relação a sua vida pessoal, ele sempre gera conteúdos para entreter os seus seguidores.

Enquanto se prepara para voltar ao papel de um dos personagens mais importantes de sua vida, Pedro tem usado as redes sociais para compartilhar seu entusiasmo e sua ansiedade em relação ao trabalho, ansiedade que é recíproca por parte dos fãs da série.

Organize sua maratona com o nosso Planner!