Skip to main content

Série com Oscar Isaac propõe versão mais sombria do gênero de super-heróis

Cavaleiro da Lua estreia no Disney+ em 30 de março com uma proposta bem diferente que conhecemos do Universo Marvel.

A série acompanha a jornada de Steven Grant (Oscar Isaac), um homem que sofre de transtorno dissociativo de identidade e divide o seu corpo com o mercenário Marc Spector.

Nos quadrinhos, Marc Spector é um antigo militar, filho de um rabino, que decide usar suas habilidades para virar um mercenário após trabalhar com a CIA. Sua vida muda completamente quando, numa missão no Egito, ele recebe a visita do deus Khonshu, o Deus da Lua, uma divindade egípcia que o transforma no Cavaleiro da Lua.

Spector, então, volta aos Estados Unidos e abandona seu passado. Ela começa a criar não apenas uma identidade heróica, mas outras personalidades para ajudá-lo em sua guerra contra o crime: como a de Steven Grant.

A história da série da Marvel começa aí. Somos apresentados ao mundo do anti-herói por meio da visão de Steven, que não tem ideia do que está acontecendo depois que apaga em um sono profundo e nem da existência de seu alter ego.

O Pop Séries! já assistiu aos primeiros episódios da série e aqui vai a nossa opinião: a trama se distancia muito de outras produções do gênero. Ela é focada na trajetória do personagem, em seu monólogo contínuo com as suas diversas identidades, sem trazer grandes momentos heróicos ou parcerias com outros personagens. A “quebra” da fórmula talvez não agrade a maioria dos fãs do gênero, mesmo que a produção trabalhe com efeitos especiais e cenas de efeito (desta batalha interna com a sua dupla personalidade) para agradar este público. No final, Cavaleiro da Lua tenta criar seu próprio caminho dentro do MCU, assim como WandaVision havia feito, mas infelizmente não consegue ser tão inovadora assim.

  The Last of Us: o que esperar da 2ª temporada

Quais são os poderes do Cavaleiro da Lua?

O anti-herói é conhecido por sua força e resistência, habilidades que ganha dependendo da fase da Lua. É na Lua cheia que o personagem atingi o seu potencial máximo.

Além disso, Spector também recebe visões e sonhos proféticos e tem a capacidade de drenar as energias vitais de outra pessoa através do contato físico.

A nova série da Marvel promete sair muito da fórmula das histórias que já vimos na TV e no cinema. Sobre a nova empreitada Oscar Isaac disse: “Estou muito animado e esperançoso. Esta história é muito diferente do que a Marvel fez no passado, não sei se vai funcionar.”

Aliás, o próprio presidente do estúdio já revelou que a proposta de Cavaleiro da Lua é bem diferente do que os fãs já assistiram. Ele disse que a trama não se esquiva da escuridão e que ela parece mais com a vibe de Batman do que de Os Vingadores.

Quem é o vilão da série?

A história de origem do personagem dos quadrinhos também apresentará um de seus maiores inimigos. Arthur Harrow, um antagonista que transita entre o mundo dos deuses, tentará buscar vingança contra Spector. Ethan Hawke faz a sua estreia no MCU como o vilão, graças ao pedido de Isaac que queria muito contracenar com o ator.

Arthur Harrow apareceu pela primeira vez na segunda edição de Cavaleiro da Lua, publicada em 1985. Nessa trama, ele é apresentado como um talentoso cientista e cirurgião, um gênio. A inteligência acima da média lhe garante uma indicação ao Prêmio Nobel de Medicina por uma investigação sobre a dor. Mas, no esforço de curar uma doença em seu próprio corpo, ele acaba paralisando parte de sua face para sempre.

  A Casa do Dragão: quando estreia a 2ª temporada?

Na série, no entanto, o personagem é colocado como o líder de uma seita religiosa que tenta trazer justiça para Terra, condenando previamente pessoas que cometeriam crimes em seu futuro. Isso vai contra a ética do Cavaleiro da Lua, que busca punir somente aqueles que merecem.

Inscreva-se
Notificação de
guest

0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários