Skip to main content

Shaun Murphy aprender a ser pai nos novos episódios

The Good Doctor, uma das séries médicas mais aclamadas dos últimos tempos, está se preparando para sua despedida com a sétima e última temporada.

Protagonizada por Freddie Highmore no papel do cirurgião autista Shaun Murphy, a série destacou-se por abordar temas complexos com sensibilidade e profundidade, ultrapassando os limites do gênero médico. Ao longo de seis temporadas, acompanhamos as lutas e triunfos de Shaun, tanto em sua carreira quanto em sua vida pessoal, culminando no nascimento de seu filho, Steve Aaron Murphy, no final da sexta temporada.

Nos episódios anteriores, Glassman, ainda chateado com Shaun por ter acelerado o fim de sua carreira como neurocirurgião, optou por não tirar a primeira foto da família.

Continua após a publicidade..

Enquanto isso, os doutores Alex Park (Will Yun Lee) e Morgan Reznick (Fiona Gubelmann) retomaram seu relacionamento com a intenção de criar juntos o filho adotivo de Morgan, Eden.

O que esperar da 7ª temporada

Com a estreia marcada para uma nova noite, terça-feira, 20 de fevereiro nos EUA, The Good Doctor continua a inovar. A sétima temporada trará desafios inéditos para Shaun e Lea, agora adaptando-se à vida de novos pais, enquanto enfrentam as complexidades do ambiente hospitalar.

Além disso, a temporada promete ser emocionante com a introdução de novos médicos, Charlene “Charlie” Lukaitis e Dominick “Dom” Hubank, cujas histórias únicas e habilidades irão enriquecer ainda mais a trama.

A série se despedirá de alguns personagens queridos, como Brandon Larracuente, que interpretou o Dr. Danny Perez, e Hill Harper, no papel do Dr. Marcus Andrews – que saiu de The Good Doctor antes da sétima temporada, em meio à sua candidatura ao Senado dos Estados Unidos na vida real.

Há também o retorno de rostos familiares, como Chuku Modu reprisando seu papel como Dr. Jared Kalu, prometendo trazer novas dinâmicas e reviravoltas para a narrativa.

Trailer

The Good Doctor não é apenas uma série sobre medicina; é uma história sobre humanidade, compaixão e a busca incansável pela excelência. Ao longo de suas temporadas, abriu caminhos para discussões importantes sobre inclusão, representatividade e os desafios enfrentados por pessoas com autismo e outras condições no ambiente de trabalho e na sociedade.

No Brasil, a série está disponível no catálogo do Globoplay.

Confira o trailer dos últimos episódios:

Organize sua maratona com o nosso Planner!