Skip to main content

Personagem é interpretada por Lauren Cohan

The Walking Dead terminou em sua 11ª temporada, mas Lauren Cohan ainda não encerrou a sua jornada na franquia.

Em uma entrevista à EW, a atriz garantiu que a história de Maggie Greene ainda não acabou. Ela protagonizará uma nova série do universo zumbie. “Eu nunca senti que ficou [no passado]. É uma coisa estranha, [mas] penso em Maggie o tempo todo. Para mim, a história está inacabada”, disse.

Na época da entrevista ainda não havia nenhuma confirmação acerca de um spin-off em que a personagem voltaria a aparecer. Agora já sabemos que nossa querida Maggie está confirmada em Dead City, que estreia em 18 de junho, pela rede AMC.

Maggie e sua trajetória em The Walking Dead

A primeira vez em que Maggie apareceu no universo de The Walking Dead foi no episódio Bloodletting, durante a segunda temporada, como a filha mais velha do saudoso fazendeiro e veterinário Hershel (Scott Wilson). Ela também tinha uma meia-irmã mais nova, Beth (Emily Kinney).

Quem não se lembra da icônica cena em que ela aparece montada em seu cavalo e encontra Glenn (Steven Yeun) pela primeira vez? Mesmo em meio ao caos apocalíptico em que o mundo vivia, Maggie e sua pequena comitiva familiar sentiam-se seguros na fazenda de seu pai. Parecia que toda aquela desgraça e caos estavam muito longe para atingi-los.

Ao encontrar o grupo de Rick, com uma criança gravemente ferida e outra desaparecida, uma venda caiu dos belos olhos de Maggie e ela passou a perceber que as desventuras do mundo estão mais próximas do que eles imaginavam.

De início, ela e Glenn têm uma aproximação discreta, mas acabam se entregando e começam a viver um romance. Em meio a tudo isso, a fazenda é invadida por uma horda de zumbis e todos fogem. Após o susto a maioria do grupo acaba se reencontrando e passam a buscar um lugar seguro.

 

É interessante observar a ascensão de Maggie na trama, a personagem sempre mostrou muito caráter e muita força, chegando a assumir a liderança do grupo por diversas vezes, mesmo que de uma forma sutil.

Leia mais:   The Acolyte: trailer da série do universo 'Star Wars'

No emocionante episódio onde o grupo toma a prisão e acaba com centenas de zumbis, Maggie foi uma peça fundamental desse jogo, com sua mira cada vez melhor ela se tornou uma das atiradoras mais mortais da série, desenvolvendo afinidade com diversas armas.

Na prisão, o relacionamento entre ela e Glenn se desenvolve e fica mais maduro e forte. Hershel dá sua benção e tudo parecia ir bem, até Lori começar a sentir as contrações em meio a uma invasão de zumbis. Maggie acaba fazendo a cesárea e salva o bebê, infelizmente Lori morre.

Após o nascimento da bebê, Maggie se vê no papel de responsável pela criança, já que a mãe estava morta e o pai, Rick (Andrew Lincoln), estava fora de si. Ela e Glenn sempre saiam em busca de fórmulas para a bebê e suprimentos para o grupo. Em um desses dias ele se deparam com Merle Dixon (Michael Rooker), o irmão de Daryl (Norman Reedus) que todos julgavam morto. Ele tenta obrigar o casal a levá-lo até o seu irmão, mas ele se negam e acabam sendo sequestrados e escondidos em Woodbury.

Até que o inesquecível Governador aparece para tirar a paz de todos e a vida de Hershel, fazendo com que Maggie fique fora de si e jure vingança a qualquer custo. Como esquecer o terror que Maggie sentiu quando o Governador a forçou a se despir, uma cena extremamente tensa!

Enquanto tentava superar a perda do pai, nossa corajosa guerreira ainda teve que lidar com o desaparecimento de Glenn e parte do grupo – eles acabaram se perdendo enquanto fugiam da prisão. Nessa parte chegamos até o Terminus, um terminal de trem abandonado. Maggie reencontra Glenn que estava na companhia de Abraham, Rosita, Eugene e Tara, e todos vão para o Terminus, onde reencontram o resto do grupo dentro de um vagão, eles conseguem fugir daquele lugar que não é o que parece ser.

Após a fuga, ela segue sem rumo com o restante do grupo e acabam encontrando o misterioso padre Gabriel que estava sendo atacado por zumbis, eles o salvam e vão até a igreja com ele. Bob, Carol e Daryl desaparecem sem deixar rastros, Bob volta à igreja com uma perna amputada. No final Rick, Michonne, Abraham e Sasha matam brutalmente o grupo de caçadores que estava os ameaçando. A brutalidade dos assassinos impressionou Maggie, fazendo-a repensar seus conceitos sobre seu grupo.

Leia mais:   The Boys: o que esperar da 4ª temporada

Muitos acontecimentos se desenrolam e Maggie é assolada por mais uma perda, agora sua irmão Beth. Esse choque foi tão grande que ela chegou a pensar em desistir de lutar, mas graças ao apoio de Glenn nossa heroína conseguiu se recuperar.

Mas tudo muda quando Aaron aparece e leva o grupo para a zona segura de Alexandria, onde ela descobre que está esperando um filho de Glenn. E foi em Alexandria que Maggie mostrou seu potencial nato para a liderança e chegou a ser assistente de Deanna.

Nesse período tudo parecia relativamente em paz, Maggie e Glenn estavam felizes pela chegada do primeiro filho e a comunidade prosperava. Mas os Salvadores surgem para virar o mundo de Maggie de cabeça para baixo quando o vilão Negan mata Glenn com seu bastão chamado Lucille. No primeiro momento vemos Maggie transtornada, cega de ódio e dor, rendendo muito elogios ao trabalho de Lauren Cohan.

Como uma fênix ela retoma suas forças e se torna líder da Colônia Hilltop, esforçando-se para manter o povo, e principalmente seu filho, salvos. Até que uma noite ela acorda com o barulho de explosões e música alta e vê a comunidade de Hilltop ser invadida por zumbis. Maggie pega um trator e começa a matar vários dos mortos-vivos e ainda destrói o carro que estava com a música alta para atraí-los. No dia seguinte surgem os Salvadores e Maggie e Sasha se escondem até os assassinos irem embora.

Rick, Michonne, Rosita e Tara vão para Hilltop e decidem entrar em guerra contra Negan e seu grupo, juntamente com Maggie. Após o longo período de preparo para a batalha, onde ela assumiu boa parte do controle e negociou os termos com outras comunidades para que se juntassem na luta contra os Salvadores, eles conseguem afugentar o bando e matar centenas deles.

Após um ano, Maggie transformou Hilltop em uma próspera comunidade agrícola e deu a luz a um lindo bebê chamado Hershel, em homenagem a seu pai.

Leia mais:   Séries medievais: tramas de romance, magia e conspirações

Em uma excursão para Washington em busca de suprimentos um dos membros da equipe de Maggie morre e sua família acaba a culpando. Gregory (o covarde ex-líder de Hilltop que implorou misericórdia a Maggie) aproveita-se da situação e coloca toda a comunidade contra a jovem. Ele tinha o objetivo de matá-la e tomar o poder. Para a surpresa de todos, Maggie descobre a traição e o condena a forca.

Após esse episódio, ela endureceu sua liderança e vai até Alexandria para se vingar de Negan. Lá, percebe que ele desejava morrer então decide poupar sua vida como uma forma de castigo.

Rick sacrifica-se para salvar o grupo, Maggie o vê ferido detonar explosivos em uma ponte para impedir que uma horda de zumbis invada a comunidade, o corpo de Rick não é encontrado (e, como sabemos, ele não está morto em The Walking Dead!).

Com o passar do tempo, ela deixa Michonne e as duas comunidades cortam relações. Até que um dia, para surpresa de todos, ela pega seu filho e se une a Georgie em uma missão para colonizar uma nova comunidade. Maggie mantém o contato com Jesus por cartas e promete voltar.

Dead City

A AMC revelou que a estreia do novo seriado está programada para 18 de junho de 2023, deixando os fãs cheios de expectativas.

Na empreitada, Maggie e Negan enfrentam muitos perigos em Nova York, que está absolutamente devastada, para salvar a vida do pequeno Hershel.

A emissora lançou a sinopse oficial que diz: “Anos se passaram desde a última vez que vimos Maggie e Negan e agora eles devem formar uma aliança tênue para cumprir uma missão perigosa. Eles viajam para a ilha de Manhattan, que, tendo estado isolada desde o início do apocalipse zumbi, desenvolveu suas próprias ameaças únicas. Na cidade, Maggie e Negan encontram nova-iorquinos nativos, fogem de um marechal com um passado conturbado e perseguem um notório assassino. Os traumas de seu passado tumultuado podem ser uma ameaça tão grande quanto os perigos do presente.”

Além dessa produção a emissora tem mais dois spin-offs que serão lançados, um focado em Michonne e Rick e outro em Daryl. Mal podemos esperar!

the walking dead: dead city

Maggie e Negan (Jeffrey Dean Morgan) estrelam nova série do universo The Walking Dead

 

Organize sua maratona com o nosso Planner!